Funag Institucional


A Fundação Alexandre de Gusmão (FUNAG), instituída pela lei 5.717 de 26 de outubro de 1971, é uma fundação pública vinculada ao Ministério das Relações Exteriores, que tem como objetivos básicos:
1. realizar e promover atividades culturais e pedagógicas no campo das relações internacionais e da história diplomática do Brasil;

2. realizar e promover estudos e pesquisas sobre problemas atinentes às relações internacionais;

3. divulgar a política externa brasileira em seus aspectos gerais;

4. contribuir para a formação no Brasil de uma opinião pública sensível aos problemas da convivência internacional;

5.  apoiar a preservação da memória diplomática do Brasil; e

6. desenvolver outras atividades compatíveis com suas finalidades e estatutos.

A FUNAG conta com duas unidades: o Instituto de Pesquisa em Relações Internacionais (IPRI) e o Centro de História e Documentação Diplomática (CHDD).
Como resultado dos trabalhos desenvolvidos pela FUNAG, é possível destacar:
    • edição e reedição de livros sobre história diplomática do Brasil, política externa brasileira e temas de relações internacionais relevantes para a diplomacia brasileira;
    • compilação dos textos produzidos para fomentar discussões nos seminários, conferências e cursos promovidos pela FUNAG;
    • edição de teses do Instituto Rio Branco e dos Cursos de Altos Estudos, elaboradas por diplomatas em seus cursos de capacitação;
    • disponibilização para download das publicações editadas pela FUNAG, por meio de sua página na internet e sem qualquer custo para o usuário;
    • realização de Cursos para Diplomatas estrangeiros;
O objetivo maior da FUNAG, em síntese, consiste na realização de debates e na difusão de conhecimento sobre a política externa brasileira, temas de relações internacionais e da história da diplomacia brasileira, com vistas, em especial, à formação de opinião pública a respeito dos grandes temas da agenda internacional contemporânea.

Nenhum comentário:

Postar um comentário